fbpx

Domine o seu MEDO ou ele dominará você!

Acredito que você assim como eu, muitas vezes na vida já deixou de fazer algo, ou até de fazer um grande mudança na sua vida, pois, ficou preocupado com o que os outros pensariam de você. Isso é muito comum, porque todos nós temos MEDOS.

Há diversas pesquisas no mundo que mostram que o maior medo do ser humano não é a morte (esta fica em terceiro lugar), o maior medo do ser humano é falar em público, ou seja, o maior medo do ser humano é de FRACASSAR, ser rejeitado pelos outros, ser ridicularizado, não ser aceito.

Isso tudo se dá desde o início da nossa criação, pois, sempre (ou quase sempre) fomos repreendidos por tentar fazer algo “diferente”, ser “diferente”, etc. Ocorre que, com tudo isso, desde a nossa infância nós crescemos com o medo que é uma “vozinha” que vive dentro da nossa cabeça todas as vezes que precisamos tomar decisões importantes.

Todo nós temos dentro de nós aquela vozinha que conversa com a gente. Na maioria das vezes esta vozinha tenta nos impedir de fazer algo, sabotar nossa coragem de agir, e por vezes simplesmente acreditamos nelas e paralisamos, tudo isso porque ela geralmente lhe soa lógica, ou no mínimo razoável. Isso lhe soa familiar? Acredito que você assim como eu, por diversas vezes se deixou sabotar por essa vozinha que pergunta “Por que você acha que você pode fazer isso?”, “Por que você acha que as pessoas vão se interessar por isso?”, “Por que você acha que você tem algo a oferecer para as pessoas?”, “Você é muito nova, é ridículo você achar que pode fazer algo grandioso.”, “Você deve trabalhar muito primeiro, você só tem 26 anos”.

Quais são as suas “vozinhas”? Coloque elas no papel para que você possa trabalhar com elas.

Essas são as “vozinhas” que já martelaram muito na minha cabeça, e algumas até hoje até martelam ainda, mas eu aprendi a calar essa voz, ignorar mesmo. Por isso, a dica é fazer o mesmo que você faz quando alguém lhe fala algo e você deixa que “entre em um ouvido e saia pelo outro”. Esse trabalho de calar a “vozinha” para que ela não impeça você de fazer o que deve ser feito é a grande sacada para vencer os seus medos.

E de onde nasce esta voz?

Ela nasce de todas as suas experiências de vida, conselhos que foram dados, situações que você passou, etc. e habita em nosso subconsciente. Ou seja, na maioria das vezes nós não estamos pensando nela. Geralmente ela só aparece quando uma situação lhe aciona. O problema desta voz é que na maioria da vezes ela impede você de viver grandes experiências, e acaba por consequência perdendo boas oportunidades na vida.

Vale lembrar que essa voz interior não é de todo mal. Ela também nos priva de fazer muitas coisas que poderiam causar grandes danos para nós. Mas como identificá-las?
A dica aqui é que diante de uma situação você consiga racionalmente fazer o que eu chamo de Teste de Sanidade com a voz que consiste em:

• se perguntar se esta voz que lhe vem à mente agora é de fato algo que deve ser considerado. É uma questão de bom senso mesmo, e avaliar melhor o que está à sua frente;

• ou se ela é simplesmente um medo do passado tentando lhe boicotar?

De toda forma, devemos sempre analisar cada situação antes de tomarmos nossas decisão. No entanto, vale destacar aqui que corremos grande risco de tomar decisões erradas por não termos pleno conhecimento e domínio sobre nossas vozes que ficam em nosso subconsciente.

A forma como você lida com os seus medos, problemas e suas dores, tem muito a ver com o seu condicionamento mental e emocional. Por isso, é tão importante, ou melhor dizendo, crucial o desenvolvimento do nosso autoconhecimento para que se possa de fato chegar ao próximo nível que desejamos em nossa vida, superando os nossos medos.

 

Com carinho,

Laís Ferreira.

2019-02-04T10:09:34+00:00

Leave A Comment